CARMO LLAND

     Este já não é o primeiro "close up" da Carmo. Foi a minha segunda entrevistada já lá vão uns dois anos! Na altura, o blog da Soraia crescia a olhos vistos e ganhava terreno no mundo da moda. Tal como ela, também eu sou jornalista de profissão, um mundo onde mora a isenção. Mas aqui eu posso tudo e a Soraia deixa essa pele e veste a Carmo.
     E a Carmo é uma mulher muito especial (a Soraia também!), muito criativa, multifacetada e artística. Escreve, desenha, fotografa, cria, concebe, pinta, tem uma imensidão de ideias e projetos e, tenho a certeza que vai conseguir concretizá-los.
     A começar pela Lland Apparel, uma linha de peças streetwear minimalista, dando um salto ao trabalho de entrevista e fotografia que faz para a Vogue.pt, à dedicação diária ao blog... aqui se inicia uma viagem pelo mundo criativo da Carmo! Preparados?





     TCUP- Jornalista, fotografa, artista, designer. Não há limites para a tua criatividade?
Carmo- Enquanto há vida… há criatividade! (risos).

TCUP- Como surge a Lland Apparel?
Carmo- Sempre tive vontade de criar uma marca de roupa ou acessórios, que de alguma forma, refletissem a minha estética nessa área. A Lland, antes de ter nome ou peças desenhadas, já tinha um conceito…



TCUP- Que tipo de peças podemos encontrar aqui?
Carmo- De momento tshirts, tops. Como estou sozinha a trabalhar na marca, tentei não “viajar” demasiado no início!

TCUP- Concepção e desenho são teus. Onde te inspiras?
Carmo- Sim! Nesta primeira incursão inspirei-me em cristais, e formações geométricas.

TCUP- Esta primeira aposta tem sido um sucesso?
Carmo- Sucesso ainda não. Mas, estou contente com a adesão e procura inicial.

TCUP- Gostas de streetwear minimalista?
Carmo- Sim, todas as marcas de streetwear que consumo têm em comum uma simplicidade ou de corte ou de conceito geral. Nunca gostei do exagero de artifícios.




TCUP- Foste tu quem fotografou o catálogo também. A fotografia é uma paixão que ganha terreno?
Carmo- Sim, fotografei tudo sozinha! Felizmente tenho amigas lindas, como a Hella, que são modelos perfeitas para materializar a estética que tenho em mente! E, sim, a fotografia, no meio de tudo o que mais gosto de fazer no momento, tem ganho muito terreno!

TCUP- O teu trabalho para a Vogue.pt @Work é exemplo disso?
Carmo- É, claro!

TCUP- Em que consiste o @Work?
Carmo- O @work é uma rubrica quinzenal que procura mostrar espaços de trabalho, seja de que área for, mas que reflitam a personalidade de quem neles trabalha, e que, esteticamente transmitam algum carácter!




(fotografias by Carmo da rubrica @work para a Vogue com Juliana Bezerra)


TCUP- Esta tua faceta artística permite-te dar asas à imaginação?
Carmo- Permite e é nesta área que me quero focar mais no futuro… A par com a ilustração.

TCUP- Mais alguma aposta para breve?
Carmo- Sim… mas não posso dizer ainda! Porém…. Adianto que será uma enorme mudança.

TCUP- O blog Carmo é o espelho de todos os teus projetos e é um dos mais conceituados blogs de moda. Imaginavas que o Carmo crescesse desta forma?
Carmo- Não, nunca. Até porque nunca tive um objetivo definido em relação ao futuro do blog… Muitas vezes até o descuro bastante… Mas, a rentrée trará um Carmo, mais atualizado e com uma mudança de rumo.


TCUP- A par desta faceta criativa, és jornalista a tempo inteiro. Aqui a Carmo é bem diferente, mais contida e isenta. Como concilias todas estas vertentes profissionais?
Carmo- A Carmo não existe na vida profissional… Não pode… Nunca misturei estas duas facetas, porque para mim são dois mundos que não se cruzam (principalmente na área do jornalismo onde trabalho). Esta é a minha postura, desde o momento, em que o blog começou a ganhar visibilidade.

TCUP- Para terminar… uma referência inspiradora que te dê alento para tanto trabalho?
Carmo- O positivismo! Dar o melhor que tenho ao universo! 



Obrigada,



Close Up no Facebook, aqui!

1 comment: