Iva Lamarão



Não há como fugir à simpatia e tranquilidade da Iva. 
É serena, traça objectivos, é profissional e vai deixando pegadas à medida que faz o seu caminho. A viver em Lisboa desde 2008, Iva Lamarão já conquistou os portugueses.

A moda e a televisão são duas paixões sólidas.
Foi Miss Portugal, é uma das apresentadoras do programa da Sic, FamaShow.
Por realizar (ainda!) fica a carreira na área da Bioquímica,  área em que é formada e pela qual é igualmente apaixonada.
Agora, sim, conheçam um pouco melhor esta mulher de paixões e sonhos!

TCUP- Cresceste longe do burburinho lisboeta. Qual é a tua melhor memória de infância?
Iva Lamarão- São tantas memórias. Das caminhadas nas praias quase desertas no Furadouro, quando acompanhávamos o meu pai na pesca. Das camarinhas que comíamos pelo caminho, do robalo pescado pelo meu pai e assado no forno!

TCUP- Como foi o impacto quando venceste o concurso Miss Portugal?
IL- Foi giro. Claro que quando participei no concurso queria ganhar, sonhava ganhar. Mas não julguei que fosse possível. Quando disseram o meu nome foi um misto de surpresa, alegria, emoção por ver a reacção, a felicidade, da minha família naquele momento!


TCUP- Foi a partir daí que o rumo e objectivos de vida se alteraram?
IL- De certo modo sim. Apesar de as "Misses" serem consideradas "pirosas" no mundo da moda, comecei a trabalhar mais, o que me permitiu pagar os meus estudos na universidade em Coimbra. Mas os objectivos sempre foram os mesmos. Nunca me deslumbrei!

TCUP- O que mais recordas dos teus trabalhos como manequim?
IL- Das muitas viagens para Lisboa de ida e volta, de percorrer Lisboa de mapa na mão e mala ás costas. Das amizades que fiz e se mantém até hoje!

TCUP- Como foi a chegada à televisão?
IL- Sempre tive o sonho de trabalhar em televisão. A minha agência sabia dessa vontade e, entretanto, surgiu um casting para o Quando o Telefone Toca na SIC. Fui escolhida para o programa e foi assim que tudo começou!

TCUP- Foi uma casualidade que se transformou num objectivo de vida?
IL- Era um sonho mas nunca foi um objectivo ou uma obsessão. O meu objectivo era acabar o mestrado. A televisão era um sonho, um gosto, lutei para agarrar a oportunidade e sou muito mais feliz a fazer televisão, o que amo fazer. Mas se não tivesse acontecido, não seria o fim do mundo.


TCUP- Acreditas que o teu futuro passa por…?
IL- Não gosto de fazer grandes planos para o futuro. A vida dá voltas inesperadas. Mas gostava muito de continuar a trabalhar em televisão e de ter novas oportunidades.

TCUP- Conta-me um sonho que tenhas?
IL- Ser feliz e ver os meus bem e felizes. Ter uma casa nas encostas do Douro, com vinhas e viver por lá uma fase mais madura da minha vida!



Obrigada, Iva!

2 comments:

  1. Com um(a) IVA assim, ninguém se lamentava do imposto.

    ReplyDelete
  2. Magrela demais ! Quem gosta de osso é cachorro !

    ReplyDelete